sábado, 31 de dezembro de 2011

Que Venha 2012!

10. No começo do ano eu tomei banho de chuva, bebi muito e sorri mais ainda. 
Acampei com meus amigos, dancei forró, fiquei queimada de sol, 
dividi barraca, fiz trilha, fui à praia, fui a shows, fui a festas, revi amigos. 
Enfim, me diverti!
9. Nas minhas várias mudanças de casa eu descobri que conseguia me virar bem sozinha,
 mas que era triste quando meus amigos e família não estavam lá para bagunçar tudo,
 jogar vídeo game comigo e dividir a cama em noites frias de chuva.
8. Nas horas felizes eu estava com pessoas que realmente valiam à pena dividir aqueles momentos.
Eram as pessoas que também estariam comigo nas horas tristes.
7. No momento mais difícil da minha vida, eu vi quem estava lá ao meu lado
 quando eu abri os olhos no hospital.
6. No Muay Thai eu aprendi a se mais disciplinada, a explorar cada limite do meu corpo,
 a me superar sempre, a aguentar a dor. 
Aprendi a perder e aproveitar cada vitória.
5. No dia em que me vi sem chão, sem rumo e sem nada, eu tive mãos, abraços.
 Um teto, cama, comida, carinho e atenção de onde eu menos esperei. 
E sou eternamente grata por isso até hoje, e sempre serei.
4. Na hora em que em percebi que era uma pessoa muito frágil, 
suscetível a erros e a maldade das outras pessoas,
 meu irmão mostrou que estaria sempre ao meu lado como meu escudo.
3. No dia em que eu menos esperei, perdi uma das pessoas mais importantes da minha vida. 
Mas hoje eu entendo que apenas tinha que ser.
2. Na Ribeira e em Ponta Negra, eu curti festas e shows de bandas incríveis. 
Conheci pessoas maravilhosas e fiz grandes amigos. 
Fui assaltada e salva por uma das pessoas mais importantes pra mim hoje em dia!
1. No Natal, eu estava com a minha família toda reunida.
 No Ano Novo estarei com eles e com alguns dos meus amigos. Eles não são perfeitos, e quem é?
 Mas são os melhores do mundo.




Obrigada pelo ano incrível, e Feliz 2012!

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Relembrando...

Esse ano eu fui feliz. 
Esse ano eu fui triste.
Esse ano eu briguei.
Esse ano eu fui amada.
Esse ano eu amei.
Esse ano eu sofri.
Esse ano eu chorei.
Esse ano eu sorri.
Esse ano eu ganhei.
Esse ano eu perdi.
Esse ano eu surtei.
Esse ano eu me controlei
Esse ano eu fui melhor.
Esse ano eu fui pior.
Esse ano eu fui eu.
Esse ano eu sonhei.
E ano eu realizei.
Esse ano eu magoei.
Esse ano eu fui magoada.
Esse ano eu cantei.
Esse ano eu dancei.
Esse ano eu cai.
Esse ano eu levantei.
Esse ano eu aprendi.
Esse ano eu vivi.
E vivi muito, intensamente, cada minuto bom ou ruim.
E vivi, sem medo ou arrependimentos.
Esse ano eu não permiti uma página em branco.

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Só Questão De Referencial.

- Quando eu paro pra pensar aqui, conversando contigo,
percebo que eu sou estranha demais!

- Como assim, estranha? É fresca demais, isso sim!

- Meus gostos são estranhos, eu sou  toda estranha.
Gosto de filmes de terror ao mesmo tempo que choro em filmes românticos,
assisto desenhos e futebol, jogo vídeo game com meu irmão,
gosto de lutar e correr de moto, ando com meninos, 
escrevo poesia e escuto rock...

- Não é estranha, você só é diferente! 
 Tem uma forma distinta de comportamento. 
Mais isso não é ser estranho, isso de estranho não existe!
Ninguém é igual...

- Mas as pessoas não estão acostumadas com o diferente,
quer dizer, com o distinto!

- Ah, relaxe... Eu também sou toda esquisita segundo as más línguas,
e tenho gostos tão estranhos quanto os seus! 
Tô escutando James Blunt, roendo aqui.

- Eu tô ouvindo Whitney Houston aqui. 
Ok, somos estranhas, mas quem liga?  É isso aí! 

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Às Vezes...

Às vezes eu tenho vontade de chorar e te bater.
Às vezes de perguntar o que tem de errado entre eu e você.
Às vezes tenho vontade de gritar 'olha eu aqui!'.
Às vezes só quero te abraçar e grudar você em mim.
Às vezes tenho vontade de correr até desaparecer.
Às vezes quero apenas deitar ao seu lado e olhar você dormir.
Às vezes você me enlouquece e eu procuro resolver.
Às vezes o que quero apenas é tirar você de mim.
Às vezes eu tenho vontade de te pedir explicações.
Às vezes você me confunde tanto que eu fico sem chão.
Às vezes eu só queria entender o que acontece com a gente.
Às vezes, muitas vezes, eu só queria você comigo, sempre.

Simplesmente Assim.

E meu sentir é simplesmente assim,
Tão belo e inesperado.
Como uma estrela cadente que passa no céu
Sem deixar qualquer rastro,
Nem de onde veio ou pra onde vai.
Fazendo fechar os olhos e desejar mais e mais.
E meu sentir é simplesmente assim.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Não Tenha Medo,

Simplesmente deixe acontecer.
Sim, as coisas foram ruins antes,
É normal ter medo de que sejam ruins novamente.
Aposte as suas fichas.
Se você acha que pode valer à pena,
Por que sair do jogo antes mesmo de tentar ganhar. 
Não dê um passo maior que as pernas.
Evite decepções e sofrimentos,
Não espere de alguém aquilo que nem você será.
Feche os olhos e mergulhe.
Quem se importa se não for pra sempre,
O importante é que foi, e foi do melhor jeito possível. 

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Só Isso.

- Por que as pessoas não prestam, e eu continuo sendo a idiota 
que acredita que alguém vai ser diferente?

- Eu também sou assim. Mas o que houve?
Por que isso?!

- Sabe quando você conhece uma pessoa, e acha que finalmente encontrou alguém diferente, 
aquela pessoa que você estava procurando por tanto tempo? 
Alguém legal, que você pode confiar, que se importa com o que você é, 
e não com as aparências, alguém que não vai te machucar nem te abandonar? 
E de repente você percebe que essa pessoa, é só mais uma pessoa? 
Igual a todas as outras que já te fizeram sofrer...

- As pessoas são todas cheias de defeitos. E aprenda, que mais se ama é quem mais te fere!

- Mas por que tem que ser assim? 
Porque não pode existir pessoas que não vão nos decepcionar?

- Por que justamente na espera de que tudo seja perfeito, vem a decepção. 
Se você conhecesse a pessoa e não esperasse nada dela...

- Não é perfeição que eu tô procurando, é amor. 
Só isso.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Esse Sentimento...

Está fora de alcance.
Como um balão no alto do céu,
Esse sentimento
Surgiu, voou, saiu de minhas mãos.
Está fora de controle.
Como um carro desgovernado,
Esse sentimento 
Corre, atropela, passa por cima.
Está fora de questão.
Como uma teoria infundada,
Esse sentimento
Não permite discussão nem solução.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

I Can't.

Ele transcende tudo o que há de melhor, e eu não consigo opor-me.
Ele brilha como mil sois, e eu não consigo desviar o olhar.
Ele surpreende a cada segundo, e eu não consigo deixar de admirar.
Ele toca minha alma, e eu não consigo desviar-me.
Ele é profundo como ninguém, e eu não consigo desvendá-lo.
Ele entorpece como veneno, e eu não consigo libertar-me.
Ele é singular em meio da pluralidade, e eu não consigo sequer ser especial.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Sou Eu.

Sou doce e ácida.
Sou quente e fria.
Sou distante e próxima.
Sou minha e perdida.
Sou inteira e incompleta.
Sou mansa e bruta.
Sou mulher e menina.
Sou normal e louca.
Sou perigosa e segura.
Sou mais uma e única.
Sou problema e diversão garantida.

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Shit.

Olhe nos meus olhos.
Toque em minha ferida.
Sinta a minha dor.
Escute o meu grito.
Veja meu coração exposto.
Agora, me mate
E termine seu trabalho.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Não.

Não. Não ficará tudo bem.
E tudo ficará sem brilho, cinza e frio
E nada mais terá sentido, apenas um vazio.
Não. Não ficará tudo bem.
E coisa alguma terá som ou sabor
E triste será meu mundo e o que há ao redor.
Não. Não ficará tudo bem.
E meus lábios serão forçadamente cerrados
E meus olhos para sempre fechados.
Não. Não ficará tudo bem.

sábado, 10 de dezembro de 2011

So Sorry.

De que adianta pedir desculpas
Se em cinco minutos eu errarei  e te magoarei outra vez.
De que adianta dizer eu te amo
Se as próximas palavras forem 'mas, você me faz mau'.
De que adianta segurar sua mão
Se quando eu realmente precisar ela não estará aqui.
De que adianta sonhar
Se quando eu acordar estarei deitada no escuro e sozinha.

Eu não sei do que adianta, mas...

Mesmo assim, eu peço desculpas pelos meus constantes erros.
Eu digo sem medo que te amo, pois eu amo mesmo.
Eu seguro sua mão com a minha, mesmo que elas se soltem com o tempo.
E eu sonho, pois na minha cabeça você sempre estará comigo.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Autopreservação.

Não consigo ter e não ter você,
Muito menos te esquecer.
E então chegou a esse ponto
Em que não sei mais o que fazer.
Desculpe-me a covardia mas,
O que tenho pra agora é me proteger.

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Fear.

O medo divide, separa e afasta pra longe.
Medo de ser e sentir.
Medo do que ainda tá por vir.
O medo paralisa, congela, cala a voz da alma.
Medo de ter e perder.
Medo do que pode acontecer.
O medo te mata, ressuscita e obriga a viver.
Medo de segurar e encarar.
Medo de ser feliz e sofrer.

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

I Love U.

E passaram dias, meses, anos.
E levaram as mágoas e as rudes palavras.
E ficaram o sentimento e a lembrança.
E voltaram a saudade e a vontade.

sábado, 3 de dezembro de 2011

Quebra - Cabeças.

Feita de peças
Pedaços, encaixes.
Você se adéqua,
 Adapta-se e é aceita.
E mesmo assim,
Não alcançará
À perfeição.
Nunca se agrada todo
Um mundo.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

E Eu...

Eu sinto essa coisa estranha,
E eu sinto que não deveria sentir.
Eu sinto esse nó na garganta,
E eu sinto que não deveria sentir.
Eu sinto esse arrepio na nuca,
E eu sinto que não deveria sentir.
Eu sinto esse vazio na noite,
E eu sinto que não deveria sentir.
Eu sinto essa necessidade,
E eu sinto que não deveria sentir. 
Eu sinto o que você não sente,
E eu sinto que não deveria sentir.

Eu sinto tudo,
E eu sinto muito.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Dois.

Ligados por um cordão invisível.
Vindos de um mesmo longínquo planeta,
Ou, somente compostos pelos mesmos teimosos defeitos.
Ligados por uma reação inexplicável.
Em fúria, sedentos por um mesmo sentimento 
Ou, apenas feitos das mesmas dolorosas esperanças.

domingo, 27 de novembro de 2011

Feel.

O que eu sinto está em tudo...
No movimento da música,
No céu, no mar,
No seu toque em meu corpo,
Nas fotos,
Nas longas conversas,
No sorriso bobo,
No perfume,
No beijo,
No abraço apertado.
O que eu sinto está em tudo...
Em cada gesto.
Em cada olhar.

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

É Você!

É você quem me faz sorrir, me faz cantar e me faz feliz.
É difícil disfarçar, eu apenas finjo ser assim
É você quem me olha nos olhos e pergunta como como foi o dia.
É difícil disfarçar, às vezes eu apenas sorrio.
É você quem me diz 'adeus' todo dia e eu caio em pedaços.
É difícil não chorar, ao invés disso te abraço.
É você quem ri dizendo 'eu te amo' enquanto eu digo de verdade.
É difícil saber que meu coração é seu,
E o seu está por toda parte.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Hot.

Ela gosta de bater;
Ela gosta de apanhar;
Ela gosta de morder;
Ela gosta de puxar;
Ela gosta de lamber;
Ela gosta de arranhar;
Ela gosta de sofrer;
Ela gosta de amar;


Ela é uma rainha, e quer tudo ao seu dispor.
Ela busca o prazer, sem controle, com ardor.

domingo, 20 de novembro de 2011

Utopia?

Eu quero,
Eu sonho,
Eu desejo,
Eu vejo,
Eu sinto,
Eu luto,
Eu corro atrás.
Um dia passará de uma
Simples utopia. 

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Maus Costumes.

Maus costumes são bons.
Uma loucura, um devaneio.
Uma estranha mania, uma compulsão
Um pequeno delito, um desvio,
Maus costumes são bons,
Principalmente acompanhados de gelo.

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Escolhas;

Na vida, você tem muitas escolhas.
Você  pode escolher...
O que comer,
O que vestir, 
O que ouvir,
O que ver,
O que vai ser,
Onde quer ir,
Com quem andar,
Do que gostar,
Quem vai amar,
Quem odiar,
No que acreditar,
Como viver,
Como morrer,
Ser bom,
Ser mau,
Ser amável,
Ser idiota,
Apenas ser.

E no fim de tudo você percebe
Que tudo o que teve que fazer foi escolher.





sábado, 12 de novembro de 2011

Fim De Semana!

A segunda-feira é o dia da ressaca e da não-produtividade;
A terça-feira é o dia da volta a rotina;
A quarta-feira é o dia do futebol e da cerveja;
A quinta-feira é o dia da angústia, onde as horas demoram a passar;
A sexta-feira é o dia felicidade antecipada;
 Enfim chega o fim de semana, ah o fim de semana...
Sábado é o dia de juntar os amigos, ir pra balada, beber muito e fazer loucura;
Domingo é dia de praia e almoço em família;
E depois dos dois dias, que você acha que nunca vai superar,
Começa tudo de novo, até o próximo fim de semana.

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Be Yourself.

Talvez exista alguém que 
Não considere necessária a busca pela perfeição.
Nem uma extraordinária beleza,
Um bom humor constantemente forçado,
Ou uma intelectualidade artificial.

Talvez exista alguém que
Considere seus defeitos como atrativos.
Algumas teimosas celulites,
A exaustão depois de um dia puxado,
 O mau humor deixado pela ressaca,
E aquelas coisas babacas que fazem todos rir.

Talvez exista alguém que 
Que goste do que você é, e não do que aparenta ser.
Que não sinta vergonha de segurar sua mão,
Que olhe dentro dos seus olhos,
E tenha orgulho de te ter ao seu lado.


Talvez exista esse alguém!

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Disappearing.

E hoje eu me sinto tão
Pequena,
Sozinha,
Vazia.
Parece até que estou prestes a
Sumir.
E eu vou simplesmente
Desaparecendo...
Desaparecendo...
Desaparecendo...
Desaparecendo...
Desaparecendo...

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Minha Hora.

Amanhã acordarei e mesmo com todos os pesares,
Colocarei o maior sorriso que poder no rosto e sairei porta a fora.
E todos os dias, a partir deste, será assim haja o que houver.
Farei e serei o melhor que posso ser, sempre.
E mesmo que rolem as lágrimas no rosto e a chuva me molhe,
Levantarei a cabeça e me secarei com o sol por trás das nuvens.
Agora é minha hora de ser feliz e de não me acovardar perante meu destino. 
E nem pedras ou muros completos vão me impedir de seguir meus sonhos,
Nunca mais problema algum irá tirar isso de mim.

terça-feira, 8 de novembro de 2011

He.

Ele passou, olhou.
Ele parou, sorriu.
Ele segurou sua mão,
E a beijou suavemente.
Ele a abraçou.
Ele dançou feliz.
Ele a olhou nos olhos,
E sem graça a elogiou.
Ele se despediu, acenou.
Ele caminhou, sumiu.



segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Silêncio!

Ninguém vai ouvir.
Sussurrar;
Falar;
Gritar;
Resmungar;
Articular;
Tagarelar;
Discursar;
Dizer;
Ninguém vai ouvir.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Para o Alexis.

Mesmo depois de quatro longos anos...
Hoje será mais um dia triste,
Mais um dia onde vou acordar 
E lembrar que você nunca mais estará lá.
Hoje será mais um dia triste,
Mas um dia sem seu sorriso
E sua voz desafinada acompanhando o violão.
Hoje será mais um dia triste,
Mais um dia sem suas broncas
E suas frases que me faziam pensar.
Hoje será mais um dia triste,
Mais um dia onde não estarei acostumada
E onde perceberei que nunca me acostumarei
Com a sua falta.

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Nothing Else Matters.

Por que nada mais importa
Quando no fim de tudo
Você percebe 
Que tem alguém
Que realmente se importa.

domingo, 30 de outubro de 2011

I Want Everything With You.

Quero dançar na chuva.
Correr pelas ruas.
Quero andar de mãos dadas.
Mergulhar na praia.
Quero escutar boa música.
Dá um beijo na boca.
Quero andar descalça.
Rir nas alturas.
Quero tudo que eu possa querer,
E quero tudo isso com você.



sábado, 29 de outubro de 2011

Be Happy!

Do que você precisa pra ser feliz?
Do que você precisa pra se divertir?
Do que você precisa pra se sentir bem?
Do que você precisa pra ter uma noite histórica?
Acho que você pensou em muitas coisas.
Eu só preciso de uma...
Meus amigos.

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Eu Quero!

Eu quero ter coragem
De vender tudo que eu tenho
De largar tudo que eu gosto
De sair sem ter destino
De não precisar olhar pra trás.
Eu quero ter a força
De seguir sempre em frente
De dá a mão a quem precise
De sorrir em dia triste
De não me arrepender jamais.

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

The Dreams Come Truth


Era uma vez um grande sonho
Que se tornou realidade.
Não por mera sorte,
Mas por muito talento e trabalho.
Por que eu acreditei,
Mas pra quem não acreditava
Aí estão eles!

Você.

Ele é o que eu sempre sonhei.
Alguém que caminha com confiança.
Alguém que esbanja segurança.
Alguém que vai a qualquer lugar.
Ele é o que eu sempre desejei.
Alguém que sabe exatamente o que quer.
Alguém que sabe o poder que tem
Alguém que pode ter o que quiser.
Ele é o 'alguém' que nunca será meu.
Alguém que por muito sonhei.
Alguém que profundamente desejei.
Alguém que está longe de mim.

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Composição.

Feita de amores
Onde amo sozinha,
Onde sonho sozinha
Onde sinto sozinha.
Ainda assim sou
Feita de amores.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Date!

Madrugada pesada de um dia qualquer do mês de outubro,
Em poucas semanas farei 21 anos, ainda sou tão jovem, eu acho.
Jovem em idade, mas meu coração e corpo já estão velhos.
Foram tantos sentimentos, bons e ruins ao longo dos anos,
Está difícil de sobreviver com tantas lembranças no momento.
Enquanto minha memória não consegue recordar simples pensamentos,
E, nesses confusos momentos que me sinto como algo muito antigo.
Escavo, procurando uma solução para a recordação e o esquecimento,
Uma caixa onde eu possa trancar tudo sem data de vencimento.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Expressão.

Você tem suas opiniões,
Eles tem outras diferentes.
Você quer alguma coisa,
Eles querem outra.
Você continua a falar,
Eles param de te ouvir.
Você grita por liberdade,
Eles revidam com violência.
Você vira algo indesejável,
Eles tomam uma atitude.
Chega a um ponto 
Em que sempre será,
Você
Perdendo para
Eles.

domingo, 16 de outubro de 2011

De Repente, Inspiração!

Está no encontro,
Naquele abraço apertado,
Na conversa sem jeito,
No imenso sorriso.

Está nas mão dadas,
No primeiro beijo roubado,
No arrepio do corpo,
No 'querer mais' que fica.